O Exame de Suficiência é uma avaliação realizada pelo Conselho Regional de Contabilidade. Ela é obrigatória para todos os bacharéis em Ciências contábeis e os alunos do último ano do curso também podem se submeter a ela antes do final da graduação. No Brasil, ser aprovado nesse Exame é requisito para exercer a profissão de Contador.

exame-de-suficiencia-crc


O objetivo do Exame é de que os candidatos comprovem os conhecimentos que foram adquiridos durante o curso. Desde a primeira edição do Exame, o CRC já certificou mais de 189 mil profissionais.
O exame de suficiência CRC é realizado duas vezes ao ano. A primeira edição de 2019 já está com as inscrições encerradas. Mas fique atento! O edital da segunda prova ainda não foi divulgado, mas a data da prova já tem uma previsão para ser realizada: dia 27 de outubro de 2019.

O que cai na prova do Exame de Suficiência?

A prova do exame de suficiência contabilidade é composta por uma avaliação objetiva de múltipla escolha. Essa prova é elaborada com os conteúdos que os estudantes e bacharéis em contabilidade estudaram durante todo o curso de graduação de Ciências Contábeis.
O edital publicado para a primeira edição do Exame de 2019 continha 50 questões distribuídas entre as disciplinas de Contabilidade Geral, Contabilidade de Custos, Contabilidade Aplicada ao Setor Público, Contabilidade Gerencial, Controladoria, Noções de Direito e Legislação Aplicada, Matemática Financeira e Estatística, Teoria da Contabilidade, Legislação e Ética Profissional, Princípios da Contabilidade e Normas Brasileiras de Contabilidade, Auditoria Contábil, Perícia Contábil e Língua Portuguesa Aplicada.
Cada questão tem o valor de 1 ponto e para ser aprovado no Exame, o candidato precisa acertar, no mínimo, 25 questões da prova, totalizando 50% de acertos.

Como se preparar para o CFC?

Após analisar os conteúdos citados no edital de abertura do Exame, você precisa começar a se preparar o quanto antes, para garantir sua aprovação e poder solicitar seu registro no Conselho Regional de Contabilidade (CRC) e com isso, exercer a tão sonhada profissão de Contador.
Para ter a melhor preparação, você pode contar com o curso exame de suficiência elaborado pelo Aprova Concursos, uma ajuda profissional especializada, com as melhores videoaulas preparatórias do mercado.
O Aprova desenvolveu um curso 100% online, onde os conteúdos estão preparados em formato de planos de estudos. As videoaulas são as mais completas do mercado, elas contemplam todas as disciplinas citadas do edital do Exame de Suficiência.
Você não precisa mais perder tempo estudando com livros e apostilas que ocupam espaço, com esse curso você vai direto ao conteúdo específico que garante seu sucesso na prova.
E não para por aí, além dos melhores conteúdos em formato de videoaulas, a sua preparação fica ainda mais completa com o Aprova Questões. Você pode se preparar para o dia da prova respondendo questões dos Exames anteriores. Ao todo, são mais de 1000 questões disponíveis para aprimorar sua preparação.
Com toda essa preparação e treinamento, você chega confiante na prova e conquista o seu registro profissional!


Há muitas razões para que a sua ligação à Internet possa parecer lenta. Pode ser um problema com o seu modem ou router, sinal Wi-Fi, força do sinal na sua linha de cabo, dispositivos na sua rede saturando sua largura de banda, ou até mesmo um servidor DNS lento. Estes passos de solução de problemas irão ajudá-lo a identificar a causa.
Reduzir o problema com vários sites e dispositivos
Se o seu teste de velocidade confirmar que a sua internet é lenta, deve tentar ligar-se a vários websites e usar vários dispositivos em sua casa, se a sua ligação à Internet for lenta. Se a lentidão é apenas com um site, provavelmente é problema desse site-não da sua internet. Não há realmente nada que você pode fazer sobre isso, exceto esperar que as pessoas responsáveis pelo site para corrigi-lo.

Estreitar onde está o problema vai ajudá-lo a resolvê-lo. A lentidão acontece apenas em um computador, ou em todos os seus dispositivos? Se for só um computador, a solução deve estar lá. Você pode apenas ter que reiniciar o computador, ou você pode precisar realizar uma varredura de malware com o seu antivírus preferido para verificar que tudo está bem. Se a lentidão acontece em vários dispositivos-vários computadores, por exemplo, ou seu computador e seu telefone—então é quase certamente um problema de rede, e você terá que ir para o seu roteador.
Antes de passar por um monte de solução de problemas do seu lado, vale a pena executar um teste de velocidade usando um site como Speedtest.net para ver como está a funcionar. Certifique-se de parar quaisquer downloads, uploads, streaming Netflix, ou outra atividade pesada da internet antes de executar o teste para garantir a menor interferência possível com os resultados.
Compare os resultados da velocidade medida com a velocidade esperada da ligação à Internet que você está pagando. Se você não sabe isso, há uma boa chance que você pode encontrá-lo na conta para a sua conexão de Internet ou site do seu provedor de Serviços de Internet.


Às vezes, internet lenta é a maneira do universo dizer para você ir jogar fora — e às vezes parece uma piada cruel para destruir a sua produtividade. Aqui estão algumas maneiras de resolver problemas, corrigir ou apenas sobreviver a uma conexão lenta da internet.

Verifique A Sua Velocidade (E O Seu Plano)


Você raramente alcançará qualquer coisa como a velocidade máxima disponível em sua conexão, e você precisa ter expectativas realistas do que é possível. ADSL é lento do que ADSL2, que é mais lento do que a maioria das conexões NBN. Uma outra coisa a ter em mente é a formação. Muitos planos atrasam a sua velocidade de conexão depois de ter usado a sua largura de Banda Mensal.
Se você está preso em uma área onde significa ADSL é a sua única opção, velocidade lenta vai ser um fato da vida. Se sua conexão promete ADSL2, mas você nunca obter acima de 1MBps, pode ser hora de reclamar para o seu provedor.

Resolver O Problema Do Seu 'Hardware'

A primeira paragem básica: dê ao seu modem e router uma reinicialização rápida (isto é, desligue-os e ligue-os de novo) e veja se isso ajuda. Verifique os outros computadores em sua casa para ver se sua internet é lenta também — se o problema só acontece em um computador, o problema é que a máquina, não seu roteador ou modem. Execute estes passos de solução de problemas para ver se é um problema de hardware. Então, uma vez que você corrigir o seu roteador ou modem (ou substituí-lo), você estará navegando rapidamente mais uma vez. Confira nosso guia completo para conhecer sua rede para mais dicas de roteadores.

Conserte O Sinal De Wi-Fi

Se você estiver usando Wi-Fi, você pode achar que seu roteador e internet estão bem, mas seu sinal sem fio é fraco, causando uma desaceleração. Nesse caso, você pode precisar reposicionar, ajustar e aumentar seu roteador com alguns truques. Há mais do que poderíamos compartilhar em um parágrafo insignificante — na verdade, temos uma lista de top 10 só para corrigir o Wi-Fi, então verifique isso se você suspeita que o sinal sem fio é o problema.


Ser aprovado no Exame da OAB é requisito para que bacharéis em Direito exerçam a profissão de Advogado no Brasil. Após a aprovação nas duas fases do Exame, o candidato pode realizar seu cadastro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).
oab-exame-de-ordem

A OAB é a instituição que define as regras para o exercício da advocacia no Brasil. O Exame foi criado para que a profissão seja praticada por profissionais capacitados, mantendo a qualidade, seriedade e ética necessárias na prática da profissão.
Como o objetivo da prova é garantir que os melhores advogados possam exercer a advocacia, a cada edição o nível de exigência tem sido maior. Então, se você está pensando em se inscrever no Exame de Ordem, precisa estar bem preparado no dia da prova.


Tudo o que você precisa saber sobre o Exame de Ordem

O Exame da OAB é formado por uma prova longa e dividido em duas etapas.
Na primeira etapa, o candidato precisa passar por uma prova com 80 questões de múltipla escolha, que é baseada em todo conteúdo estudado durante o curso de Direito. Para passar por essa etapa e participar da segunda fase, é preciso acertar 50% da prova, ou seja, 40 questões.
Já na segunda fase do Exame, o candidato terá que elaborar uma redação de peça profissional e responder outras quatro questões dissertativas, onde terá que resolver as situações-problema propostas pela banca. Nessa etapa, o candidato deve escolher a área sobre a qual irá abordar na prova, entre as seguintes opções: Direito Administrativo, Civil, Constitucional, Empresarial, Penal, Direito do Trabalho ou Tributário. Para ser aprovado e garantir a carteirinha da OAB, é necessário obter uma nota equivalente ou superior a 6.


Como ser aprovado no Exame da OAB?

A sua preparação para a prova não pode começar um dia antes da prova. Quanto antes você começar a se preparar, melhor. Alguns candidatos começam a prestar o Exame antes mesmo de terminar a graduação em Direito. Outros precisam repetir algumas vezes até conseguir a aprovação.
Mas não se preocupe! Você pode começar agora mesmo a se preparar para fazer a próxima edição do Exame e garantir sua aprovação. A dica é se inscrever em um bom curso online OAB. Ao estudar com videoaulas você otimiza seu tempo. No Aprova Concursos, por exemplo, todos os conteúdos cobrados nos últimos editais publicados pela FGV, banca responsável pelo Exame, estão contemplados no Curso Preparatório. A vantagem é que você não precisa se perder em meio aos montes de apostilas e livros, basta dar o play em seu computador, celular ou tablet.
Pensando na sua aprovação, o Curso ainda é separado em conteúdos que contemplam as duas fases do Exame. O curso OAB 1 fase é o mais completo, que além de todo conteúdo te dá acesso a mais de 1.500 questões dos Exames anteriores. O segundo módulo do curso é voltado para o assunto que você escolher e tem além das videoaulas, dicas de como elaborar a redação.


o-que-estudar-para-o-exame-do-crc

Quem busca a aprovação no Exame de Suficiência, realizado pelo Conselho Federal de Contabilidade - CFC, deve focar em uma preparação bastante específica, e que atenda todos os requisitos exigidos pelo edital.
Para se ter uma ideia, por ser considerada uma prova com alto nível de exigência, a última edição, em 2018, não conseguiu nem mesmo alcançar o índice de 40% de aprovação.
Sendo bem exato, o número chegou a apenas 37,49% de aprovação, em um universo de 34.259 candidatos.
Mas, não estamos aqui para te assustar e, diante deste cenário, nem adianta sair por aí estudando tudo o que vê pela frente.
Com um bom planejamento e algumas dicas, como as separadas abaixo em um conteúdo especial, a sua preparação ficará mais tranquila e detalhada!

Fique por dentro de tudo o que você precisa saber para conquistar a aprovação!


Exame de Suficiência 2019

Antes de focar na sua preparação, vamos entender um pouquinho sobre o funcionamento do exame e sua realização neste ano.
De acordo com o edital da 1ª edição de 2019, que já está com inscrições encerradas, a prova será realizada no dia 7 de julho, e será composta por 50 questões.
Os conteúdos terão como base as disciplinas cobradas durante todo o curso de Ciências Contábeis. São elas:

Contabilidade Geral, Contabilidade de Custos, Contabilidade Aplicada ao Setor Público, Contabilidade Gerencial, Controladoria, Noções de Direito e Legislação Aplicada, Matemática Financeira e Estatística, Teoria da Contabilidade, Legislação e Ética Profissional, Princípios de Contabilidade e Normas Brasileiras de Contabilidade, Auditoria Contábil, Perícia Contábil e Língua Portuguesa Aplicada.

Para quem não teve a oportunidade de participar desta 1ª edição, fique ligado! A 2ª edição do Exame de Suficiência acontecerá em outubro, e as inscrições estão previstas para serem disponibilizadas em julho.
Aproveite o tempo disponível a antecipe a sua preparação!

Escolhendo um preparatório – Exame CRC

Na etapa de preparação é interessante buscar apoio de profissionais qualificados e experientes no assunto.
Uma boa solução para iniciar é um curso online crc que revise os pontos mais importantes de cada disciplina e traga as aplicações práticas das teorias.
Além disso, é necessário que você estude somente o que está previsto no edital, evitando assim o desperdício de tempo e desgaste emocional.

Curso Exame – CRC

Ao optar por um preparatório para o exame do CFC, é essencial levar em conta todos os benefícios oferecidos.
Além de toda a preparação teórica e prática, que já foram citados acima, é importante ter a sua disposição um sistema ou plataforma de questões, para que você possa testar suas habilidades e conhecimentos, identificando suas falhas e progresso quanto ao conteúdo.
Mais do que isso, vale ainda optar por cursos que já disponibilizem os conteúdos na ordem correta em que devem ser estudados. Desta forma, você economiza ainda mais o seu tempo, sem precisar elaborar ou mesmo ficar preso ao planejamento de um plano de estudos.

E agora que você já tem todas as dicas necessárias para conquistar a aprovação, é hora de iniciar seus estudos!


Será que cigarro eletrônico ajuda a parar de fumar? A nicotina é a droga que provoca a dependência química mais escravizante que a medicina conhece. O cigarro eletrônico é um aparelhinho para administrar a nicotina. A diferença é que cigarrilha em geral contém alcatrão e outras substâncias cancerígenas. Mas a nicotina é a mesma, afirma Dr. Drauzio Varella.

No início do ano, Parlamento Europeu aprovou uma lei sobre cigarro eletrônico e deu duas opções aos vendedores. Se quiserem vender o produto como uma ajuda para deixar de fumar, precisam inscrevê-lo como um produto dr., que exige passar por dezenas de testes e ainda impede sua publicidade. A segunda opção foi de registrar produto como um tabaco, que foi a escolha do setor.

Propaganda, promover e patrocínio: órgão governamental competente deve restringir a propaganda, promoção e patrocínio dos cigarros eletrônicos para confirmar que não seja destinado a jovens, não fumantes ou pessoas que não fazem uso de nicotina. Fumaça: com calor intenso a solução química passa para estado de vapor, este é rico em nicotina que sai pela ponta do cigarrilha e é aspirado pelo pitador.

A ponteira do dispositivo funciona como piteira e contém um cartucho substituível, preenchido com um líquido formado de propileno glicol, nicotina e, se usuário desejar, substâncias aromatizantes. 

O usuário aspira uma névoa contendo pequenas gotículas do líquido e a nicotina, que sustenta a submissão.

Conforme estudos realizados pela FDA, filial equipotente à Anvisa os Estados Unidos, os dispositivos do tabaco eletrônico são 1,4 mil vezes menos cancerígenos do que cigarrilha convencional. O relatório da Ateneu Pátrio de Ciências, Engenharia e Medicina é baseado em mais de 800 estudos científicos revisados sobre os efeitos dos cigarros eletrônicos à saúde.

Ainda conforme órgão brasileiro, o dispositivo nunca teve registro no País. "A medida abrange ainda acessórios e refis destinados ao uso nos dispositivos, da mesma maneira que a propaganda, a publicidade e a promoção, até na Internet, desses produtos", apontou a solução.

O estímulo ao uso do tabaco eletrônico deve, após anos de queda consistente, devido às campanhas anti-tabágicas, provocar um aumento no número de pessoas viciadas em nicotina. A falsa sensação de segurança pode fazer com que número de fumantes volte a medrar. Há estudos que mostram que ex-fumantes, que tinham parado completamente de fumar cigarros comuns, voltaram a fumar, agora com cigarros eletrônicos.


Alguma vez te perguntou sobre como seria a vida sem televisão? E se você não puder assistir a nenhum dos seus programas favoritos - apenas ouvir o rádio para algum entretenimento! Devíamos estar gratos por inventar a primeira televisão eletrônica.
O homem estava sempre intrigado com máquinas. Quando ele ainda era criança, os cientistas estavam falando sobre inventar uma 'televisão' ; uma máquina que terá som e imagens em movimento. Ele teve a ideia de como inventar tal máquina - ele sabia que tinha que quebrar imagens em linhas paralelas de luz, capturá-las, transmiti-las como elétrons e, em seguida, montá-las para as pessoas assistirem. 

Mas ele não tinha recursos nem dinheiro. Então, começou a trabalhar como mecânico de rádio, mas sonhou em inventar a TV. Foi quando ele estava na Califórnia que ele discutiu essa ideia com poucos empresários que investiram dinheiro e depois de anos de tentativas fracassadas, finalmente inventou o primeiro aparelho de televisão totalmente eletrônico. Ele transmitiu a imagem de sua esposa, a motivação por trás de sua invenção em 25 de agosto de 1934.
John Logie Baird é a pessoa a quem é dado crédito por inventar a televisão pela primeira vez. Ele experimentou em um sótão em Londres por anos até que ele conseguiu transmitir uma imagem antiga, em tons de cinza de um boneco falante ventriloquista em uma tela em 1925. Ele chamou-lhe "o Televisor".
Em 1930, Baird tinha conseguido desenvolver um sistema para transmitir som simultâneo com as imagens. A televisão de Baird era mecânica em design. A transmissão composta por menos de 30 linhas paralelas em comparação com os muitos pixels que temos hoje. Resultou em imagens pequenas e difusas na tela.
Mas a televisão estava aqui para ficar. Ganhou popularidade entre cientistas e investidores e melhorias começaram a acontecer de forma rápida.
A base de toda a televisão e câmeras modernas, o tubo de raios catódicos, foi inventado por Ferdinand Braun. Este tubo mudaria as linhas eletrônicas em imagens em movimento e melhor clareza. Hoje isso foi substituído por telas mais finas que usam ecrã de cristais líquidos, LCD e plasma, tornando assim a nossa visualização de TV mais agradável e divertido.


Não há uma resposta fácil para quem inventou a televisão. A ideia de ter algo que transmite imagens em movimento existia muito antes da primeira televisão ser construída. No final do século XIX, alguns cientistas fizeram descobertas fundamentais, sem as quais a primeira televisão não teria existido. Na década de 1920, mais de 50 inventores do Japão, Grã-Bretanha, Alemanha, América e Rússia estavam todos seriamente tentando construir televisões, muitas das quais tiveram demonstrações muito promissoras.

Primeira Televisão Mecânica


Se considerarmos que a definição de "televisão" é a transmissão ao vivo de imagens com variação contínua de tom, o crédito para quem inventou a televisão pertence ao engenheiro escocês John Logie Baird. Ele construiu e demonstrou a primeira televisão mecânica do mundo. Baird também inventou e demonstrou a primeira televisão a cores em público, bem como o primeiro tubo eletrônico de imagem de televisão a cores.

Primeira Televisão Eletrônica

O crédito para quem inventou a televisão como a conhecemos hoje, um modelo eletrônico, foi um pouco de uma luta pelo poder. Um inventor tinha a patente, mas o desenho de sua televisão ainda não estava lá, enquanto o outro tinha uma televisão totalmente funcionando, mas só pediu uma patente mais tarde. Um russo solicitou uma patente para um tubo de varrimento de elétrons (uma parte que poderia ser considerada como o "coração" de uma televisão) em 1923, mas não conseguiu fazer sua televisão funcionar até 1934.
Se demonstrou com sucesso a primeira transmissão de sinal de televisão em 7 de setembro de 1927 com seu próprio tubo de varredura. Uma batalha legal se seguiu no final dos anos trinta, quando a RCA, A empresa para a qual trabalhava Zworykin queria reivindicar o direito à patente (e os royalties). O tribunal, no entanto, decidiu a favor de Fransworth, dando-lhe prioridade patente e tornando-o, oficialmente, o inventor da primeira televisão totalmente funcional, toda com eletrônicos.


Não tem a certeza porque é que o teu quarto não parece mais tão legal quanto costumava ser? Pode ter cometido algum destes crimes de decoração. Se está colocando o teu sofá padrão com um tapete de três por cinco metros, o tapete pequeno pode estar a desequilibrar a tua sala de estar.
Ou, se estiver a forrar móveis ao longo das paredes numa tentativa de maximizar o espaço, pode estar a fazer o quarto parecer mais apertado do que é. Então, o que fazer se descobrir que inadvertidamente quebrou todas as regras de design? Veja aqui as melhores tendências de decoração de 2019!

Não se preocupe: pedimos aos melhores profissionais de design para ajudá-lo com correções fáceis de seguir. Se você aprender que você tem usado iluminação muito brilhante, a solução é tão simples como comprar uma lâmpada nova.
Já percebeu que tem pendurado as cortinas muito baixo? Um ajuste de cinco minutos pode fazer com que o teto pareça um pouco mais alto. Com profissionais confiáveis guiando a intervenção de design, fazer com que a sua casa volte ao caminho certo é mais fácil do que você poderia pensar.
Se você tem um sofá padrão de dois metros, escolha um tapete que tem pelo menos dois metros, que se estenderá cerca de um metro de cada lado do Sofá.
Preso com um tapete pequeno? Coloque em cima de um tapete ou sisal sólido. Para um quarto, escolha um que é pelo menos 1,5 pés mais largo do que a cama para uma cama king-or queen-size e um tapete de 6 por 9 metros para uma cama de tamanho completo.
Em uma sala de jantar, escolha um tapete que se estende pelo menos três pés além da mesa em todos os lados. Ninguém gosta de empurrar para trás da mesa e ter as pernas da cadeira a cair do tapete.


Ao contrário da crença popular, você não precisa de uma remodelação completa da cozinha para trazer o seu espaço aquilo que sempre quis. Às vezes, tudo que você precisa é uma boa pintura e algumas correções rápidas para transformar completamente um espaço. Antes de começar, você precisa saber sobre os erros de decoração da cozinha que você está potencialmente fazendo - porque as chances são que eles tem uma correção muito fácil e vão transformar inteiramente o olhar e a sensação do seu espaço.
Então, antes de iniciar uma renovação cosmética da sua cozinha, prestar atenção nestes erros comuns de decoração da cozinha pode poupar muito tempo e dinheiro. O seu espaço poderia usar um pouco de arte ou acessórios? Você pode melhorar facilmente o funcionamento do ambiente? E a iluminação? 
Não demore mais um minuto. Nós apostamos que você pode abordar cada um destes projetos em apenas um fim de semana—e fazer de sua cozinha um espaço bonito e funcional para que todos possam desfrutar.
É fácil encher nossas cozinhas com eletrodomésticos e utensílios, mas ter uma cozinha estritamente funcional pode parecer um pouco sem inspiração. Para fazer sua cozinha mais em uma linha que combine com o resto de sua casa, tente adicione um tapete, arte e outros acessórios pequenos para fazê-lo sentir mais pessoal.
Pode ser um pouco chocante entrar em uma cozinha ultra-moderna em uma casa histórica, mas ao contrário da crença popular, você não precisa de uma remodelação completa para adicionar um pouco de caráter ao seu espaço. Às vezes, correções simples como trocar hardware ou iluminação, adicionar moldagem arquitetônica, ou substituir portas de gabinete pode fazer um mundo de diferença.
A cozinha é o coração da casaa -mas como você pode realmente usá-lo ao seu pleno potencial se você não tem espaço para as pessoas se sentarem? Quer seja adicionar uns bancos de bar, uma pequena mesa de bistrô, ou apenas um banco, certifique-se que a sua família pode ficar por aí enquanto faz a sua reforma anormal.

Tecnologia do Blogger.